Buscar
  • Isabelle Dossa

JEJUM

O jejum é o aliado ideal para estimular ação de autofagia, regeneração e de destoxificação!

O jejum curto, intermitente ou o jejum mais prolongado de 3 a 7 dias, sempre feito com controle de profissional de saúde e num ambiente seguro e saudável, permite mobilizar e queimar as gorduras e as toxinas nelas presas.




Viver juntos esta frase do escritor e aviador é a minha inspiração no Jejum:

“O impossível sempre recua quando se caminha em direção a ele” Antoine de Saint Exupéry

O jejum é conhecido e praticado desde muitos séculos nas medicinas tradicionais. Se fala que o corpo em situação de jejum usa primeiro a sua gordura para funcionar, e também os tecidos prejudicados e os resíduos que dentro dele se acumularam.

As nossas células tem essa capacidade e, em caso de privação, usam partes defeituosas delas mesmo ou partes usadas pelo tempo chamadas de toxinas intracelular. Este processo, chamado de autofagia, é uma verdadeira regeneração celular e é muito estudado (conferiu um premio Nobel em 2016 ao japonês Oshumi).

Outros estudos recentes mostraram que essa regeneração celular conhecida como autofagia diminui com a idade e seria um mecanismo central e comum a muitos fatores do envelhecimento e seria envolvido nas doenças degenerativas e crônicas.

O jejum é o aliado ideal para estimular ação de autofagia e de destoxificação!

Alem da medicina tradicional ayurvédica que preconiza jejum curtos e sempre adaptados a constituição e sensibilidade de cada um, muitos estudos médicos foram conduzidos e mostram os efeitos positivos.

O jejum curto, intermitente ou o jejum mais prolongado de 3 a 7 dias, sempre feito com controle de profissional de saúde e num ambiente seguro e saudável, permite mobilizar e queimar as gorduras e as toxinas nelas presas.

O meu ponto de visto é que precisa reforçar o mecanismo de autofagia de reparo e vitalidade no nosso corpo. Se deve começar sempre antes de tudo pela melhora da higiene de vida (alimentação mais saudável e menos calórica, exercício fisico regular) e depois implementar implementar um exercício fisico intermitente de alta intensidade.

O jejum será o seu aliado, em períodos curtos e/ou intermitentes.

O jejum prolongado de mais de 8 a 9 dias não é analisado aqui e só pode ser praticado em ambiente hospitalar com cuidados médicos e reservado a patologias severas.

Mas nutróloga, médica integrativa  e coach em saúde faz jejum ? É adepta ? Recomenda ?

Vai aqui a minha historia, a minha descoberta da experiencia  ...

Descobri ha 3 anos os benefícios do  jejum de 7 dias.

Uma amiga francesa me convidou a acompanhar-la  para uma semana de jejum. Na França existem muitos centros de jejum e a pratica é comum.

Fui sem saber muito bem o que esperar.  

Somos muito amigas e pensei que era uma excelente oportunidade de passar tempo com ela e que se não dava certo para mim, poderia interromper a experiencia e continuar a estadia aproveitando de uma semana de descanso.

Ja tinha estudado a fisiologia do jejum, ja  tinha lido muito a respeito e tinha me aprofundado com ultimas pesquisas sobre autofagia e envelhecimento, tinha um posicionamento para reponder as perguntas dos meus pacientes sobre a moda do jejum...

Mas sem pensar alem da questão técnica!

Enfim ... Fui!

E descobri uma experiencia única!

Saí após uma semana com uma sensação de bem estar e de equilíbrio, uma energia incrível e uma clareza e motivação para  implementar os objetivos que me apareceram sao nítido durante a experiencia.

Tem muitos motivos para participar de uma semana de jejum e cada um vem com os seus próprios objetivos: Fazer uma pausa e se reencontrar, perder peso, destoxificar o seu organismo , reencontrar uma higiene alimentar correta ... e muitas vez os objetivos se somam. Jejuar é também descobrir sensações novas , viver uma verdadeira aventura consigo, se descobrir e finalmente tomar consciência deste corpo que negligenciamos ou as vezes martirizamos.

E descobri que o jejum é também um presente que se abre quando volta para casa, pois as semanas e os meses que seguem esta linda aventura trazem energia , bem estar e lucidez que me acompanharam no meu trabalho , nas minhas escolhas e no meu estado emocional e mental.

Repeti a experiencia desde então a cada ano.

E decidi tentar a aventura e montar grupos de jejum no Brasil ! Se impôs como uma evidência , um complemento a minha vida e formação, um significado junto a minha visão de nutróloga e médica integrativa e um fechamento com a atividade de coach.

Primeiro estudei muito neste tema, na França e no Brasil. Encontrei muitas pessoas, especialistas e praticantes, conheci centros de Jejum.

Montei uma equipe de 4 a 5 profissionais de saúde, equipe multidisciplinar treinada, todos com experiência em jejum, com um  talento muito forte de empatia  para que os nossos estagiários se sentem muito bem, seguros e quase “mimados” , para que possam se entregar totalmente e aproveitar com plenitude o presente que eles se deram.

Uma delas é a minha própria filha, Mathilde, terapeuta ayurvédica e professora de Yoga. Ela cuida da coordenação das terapias que são propostas durante a semana de jejum.

Implementamos uma verdadeira pedagogia sobre higiene alimentar e higiene de vida, para que cada estagiário possa voltar para casa com um material didático e também com ferramentas para poder mudar os hábitos que ele mesmo determinou .

O que propomos ? Uma semana de Jejum Yoga e Trecking enter Mar e Mata

25 visualizações

​© 2019 ISABELLE DOSSA | Medicina Integrativa . Health Coach

    Acompanhe o conteúdo

    nas redes sociais

    • Black Facebook Icon
    • Black Instagram Icon